Unidade e meios de comunicação
PDF Imprimir
 
Expandir +

Um aspecto emblemático do Movimento dos Focolares é a comunhão, a unidade. É a consequência da Palavra vivida e comunicada. Chiara escreveu: «Antes o Movimento não existia, depois passou a existir. Foi o Espírito Santo, sabemos, que o fez nascer, e Ele agiu de um modo bem preciso. Colocou as primeiras focolarinas nas condições de tomar em grande, eu diria em único relevo, o Evangelho. Iluminou as suas palavras e as impeliu a vivê-las».

«O efeito? – Chiara se perguntou ainda –. Nós sabemos, foi imprevisível e maravilhoso. Como consequência da Palavra vivida radicalmente, levada a sério, logo nasceu uma comunidade numerosa, que se difundiu em mais de cem vilarejos da região de Trento, era o Movimento dos Focolares. Gente que antes se ignorava tornou-se uma família, cristãos antes indiferentes entre si articularam-se em unidade. Portanto, a Palavra de Deus faz este milagre, pode realizar este milagre: dar origem a uma comunidade visível».

Expandir +
 
Artigos
Haiti: rumo a uma cultura do encontro
8 Março 2014
 
grupo
Um Seminário sobre Comunicação realizado por uma equipe de NetOne na ilha do Caribe destruída pelo terremoto de 2010. A vida do Evangelho como base para a comunicação.
Itália: “O visitante” suscita o diálogo
14 Fevereiro 2014
 
Prato 2
Na cidade de Prato, no contexto do diálogo com pessoas de diferentes convicções promovido pelos Focolares, foi exibida a peça teatral de Eric-Emmanuel Schmitt, “O Visitante”. O objetivo: abrir um diálogo para colocar-se as questões fundamentais do homem, numa atmosfera de confiança recíproca.
Viver o Carisma: Unidade e meios de comunicação
4 Setembro 2011
 
20110610-01
Unidade, palavra que mais caracteriza o Movimento dos Focolares. Quatro “princípios” da comunicação para criar comunhão, a comunidade. O modo para chegar à unidade.
 
12