Texas: o Movimento Juvenil pela Unidade em ação!

Moro numa pequena cidade, próxima a El Paso, no Texas (USA), na fronteira com o México. Mesmo se o lugar não oferece muitas alternativas, eu fui formado com os valores baseados na arte de amar, que aprendi no centro educacional dos Focolares, que frequentei desde criança. Quando cresci começamos um grupo de adolescentes do Movimento Juvenil pela Unidade.

Embora pequeno esse grupo provocava um impacto na cidade. O nosso primeiro projeto foi “Colorir a nossa cidade”, que tinha sido lançado pelo MJU no mundo inteiro. Isso não queria dizer pintar a cidade, mas levar a ela muita alegria e energia positiva. Uma das nossas iniciativas foi plantar árvores perto das estações de ônibus. Além de dar mais oxigênio ao ambiente, estas plantas garantem a sombra para os cidadãos que esperam os ônibus.

Outras iniciativas: coleta de material escolar para as crianças do México, envio de cartas de apoio às vítimas do terremoto no Haiti e, recentemente, visitas a uma casa para idosos, para lhes fazer companhia.

Sempre tivemos o apoio do nosso prefeito que não só deu a licença para os nossos projetos, mas a sua ajuda para que acontecesse uma mudança positiva na cidade.

El Paso é uma cidade bastante segura, pelo fato de estar próxima da fronteira, mas mesmo assim as pessoas estão constantemente expostas à violência, à injustiça e à pobreza. Por isso queríamos encontrar um modo de transmitir os valores da paz, da fraternidade e do amor aos jovens, não só em El Paso, mas também em Ciudad Juarèz, que nós consideramos como “cidade-irmã”; ela está situada do outro lado e é considerada uma das cidades mais perigosas do México. Foi assim que tentamos lançar um programa de rádio justamente em Ciudad Juarèz. Precisamos esperar três meses para obter a autorização, mas afinal criamos um programa de uma hora, chamado “Movimento Juvenil pela Unidade – Onde só o amor pode mudar o mundo”.

Durante mais de um ano, toda semana atravessávamos a fronteira com o México para entrar nas ondas de rádio. Compartilhamos as nossas iniciativas e as nossas experiências de como procuramos praticar a arte de amar na nossa vida cotidiana.

No início o programa era dedicado aos adolescentes, mas depois decidimos abrir a nossa mensagem a todos. Os ouvintes enviavam o seu feedback por telefone ou com mensagens no site da emissora de rádio. Uma vez hospedamos um evento ao vivo. Fomos a um restaurante, em El Paso, onde a rádio estava transmitindo. Eles nos deram uma hora da programação. Fizemos um programa com jogos, partilha da Palavra de Deus e as nossas experiências sobre como procuramos amar as pessoas.

Os programas de rádio eram interessantes e divertidos, ma não sempre era tudo fácil. Alguns de nós decidiram abandonar o grupo, mas não perdemos a coragem, ao contrário, procuramos manter mais vivo que nunca o compromisso de amar-nos uns aos outros. Depois de cerca de um ano outros jovens uniram-se a nós e os nossos eventos retomaram força! A iniciativa mais recente é “Teens Got Talent Show”, para promover a unidade e o espírito de serviço. Convidamos os jovens a partilharem seus talentos com toda a comunidade. Já fizemos o show duas vezes, numa biblioteca local, e uma vez em um centro para idosos. Alguns jovens mostram talentos incríveis, e o mais lindo é que não esperam ser pagos com dinheiro, mas somente com os aplausos de uma plateia feliz!

Jose Castro

Fonte: Living City online

No comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *