Immagine copertina

Em mais um encontro de diálogo entre os jovens do Movimento budista Risho Kosei Kai (RKK) e os jovens dos Focolares, foram aprofundados o conhecimento, a amizade e o empenho comum pela paz no mundo.

“Em todos estes anos, em qualquer lugar nos encontrássemos, imediatamente desapareciam os muros da nossa diversidade, e logo estávamos unidos pelo mesmo desejo de trabalhar pela paz no mundo. Mas é lógico que seja assim, porque, quando o nosso fundador (Nikkyo Niwano) e Chiara Lubich se conheceram, logo se uniram, e para ambos foi uma descoberta encontrar alguém disposto seriamente a trabalhar pela paz no mundo”. Assim iniciou Yoshie Nishi, vice-diretor do Setor dos Jovens da Risho Kosei Kai, ao traçar a história dos simpósios entre os jovens dos dois Movimentos, iniciada em 2008.

ef5c0b70 e55c 490e 85b7 50d287441c1cA edição deste ano, realizada no Centro Internacional do Movimento dos Focolares, na Itália, teve como tema “The World Peace Starts from Us. Now the time to step forward to everything” (A paz mundial começa por nós. Este é o momento de dar um passo adiante). “Em muitos lugares o mundo está dividido – explicaram os jovens da RKK -. Refugiados, pobreza, problemas econômicos, etc. Não numa dimensão nacional, mas inclusive no pequeno mundo em que vivemos; de um lado, com a internet, em poucos segundos pode-se criar uma estreita relação com o mundo inteiro, mas, de outro lado, coexiste a pobreza das relações, e até uma conversa com quem mora perto de nós nunca existiu”.

Foram partilhadas muitas experiências de paz que partem da vida diária: mudanças do estilo pessoal de vida e ações que envolvem outras pessoas e transformam a realidade em algo positivo. “Gostaríamos de caminhar sempre olhando ao outro, aos desafios que vemos no mundo – disseram Rita e Henrique, dos Focolares, aos amigos japoneses – contribuindo para alcançar um mundo mais unido, fraterno, onde haja mais paz; uma paz, no entanto, que não exclui os marginalizados, mas que nos faz assumir como nossas as necessidades das pessoas, para um dia chegar ao nosso objetivo: ‘ninguém em necessidade’, como diz o slogan escolhido este ano para a Semana Mundo Unido, e o projeto ‘Caminhos para um Mundo Unido’’’.

No programa do simpósio houve inclusive uma ação concreta: a preparação e distribuição de uma refeição na Estação Ostiense de Roma, em colaboração com a Associação RomAmor ONLUS, que ajuda moradores de rua, idosos e migrantes. A delegação japonesa participou também da audiência com o Papa Francisco e viveu um dia de intercâmbio e aprofundamento na Mariápolis internacional de Loppiano, com os jovens das escolas de formação e com os alunos do Instituto Universitário Sophia.

Paola Pepe

2 Comments

  • Mi chiamo Francesco Cannizzaro .
    Ho conosciuto il MOVIMENTO DEI FOCALARI,
    grazie alla RISSHO KOSEI KAI.
    Devo dire che ho una esperienza bellissima con questo movimento ,
    focolari sia che Londra ,venezia, milano .
    ci hanno sempre coccolati spero se avete bisogno di aiutare qualcuno lo farò con tutto il mio cuore ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.