Fazer da Ressurreição uma experiência de povo


Os votos de Maria Voce, presidente do Movimento dos Focolares, para esta Páscoa: experimentar a passagem contínua da morte para a ressurreição através do amor ao irmão. Somente assim superaremos esse período doloroso da pandemia e qualquer outro sofrimento.

Santa Páscoa 2020

Caríssimas e caríssimos,

Este ano, a passagem de Jesus da morte para uma vida completamente nova nos questiona e nos encontra atentos.

E é precisamente aqui que a fé e o nosso carisma vêm em nosso auxílio: em Jesus crucificado e abandonado, o Deus deste momento presente que não compreendemos, encontramos a resposta. Até mesmo a solidão, na qual talvez somos forçados a viver agora, vivida com Ele, pode ser povoada e plenificada pelo seu Reino[1]. Somente escolhendo-o, abraçando-o em todas as dores e amando-o de maneira exclusiva, nós e toda a humanidade encontraremos o caminho para a luz, para um novo nascimento.

JESUS RESSUSCITOU! Que se torne nossa esta experiência de passar continuamente da morte para a ressurreição, propondo-a também a muitas pessoas, a todos.

Deste modo preparamos o futuro e colocamos uma base sólida para o mundo que virá, quando voltarmos a nos encontrar e abraçar pessoalmente.

FELIZ PÁSCOA!

 

 

[1]  Ver Chiara Lubich, “Onde está a escravidão?”, Fermenti di unità, pg. 130, ed. 1963.

7 Comments

  • Excelente en Jesús Abandonado tenemos la respuesta al dolor que vivimos en este momento de la humanidad, acojo y vivo ésta propuesta.

  • Come Pietro ed il discepolo c’è Gesù amava correvano insieme, anche noi insieme corriamo verso una nuova vita

  • Molto breve, pero essenziale e sopratutto molto incisivo il messagio dela responsabile dell’Opera

    Buona Pasqua a Tutti !

    M. Silveira & Family.

  • Gracias por ese pensamiento que nos lleva a sentirnos cada día más amados y unidos entre nosotros. Feliz Pascua

  • Grazie Emmaus del tuo messaggio. Vogliamo vivere con te quanto ci proponi e buona Pasqua.
    Quattro popi in eremitaggio con Gesù in mezzo nella casa Arc en Ciel di Mollens.
    Joeph Hillenb., Walter K., Leo Ruedi e Werner Peier

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *