A dor dos Focolares por um caso de abusos na França


Maria Voce: “Imensa dor e colaboração incondicional do Movimento para que seja feito um total  esclarecimento; criação de um órgão independente de investigação após encontro com algumas vítimas de um ex-membro consagrado dos Focolares”.

“Diante dessa imensa dor, estamos convencidos de que o único caminho a seguir é oferecer às vítimas uma plena escuta e reconhecimento dos danos sofridos. Por isso, quero reiterar a plena e incondicionada colaboração do Movimento, para que seja feito um total esclarecimento sobre os fatos e justiça às vítimas”.

Estas são as palavras de Maria Voce, Presidente do Movimento dos Focolares, em um comunicado à imprensa de 22 de outubro de 2020 sobre o caso de violência em crianças e adolescentes por parte de J.M.M., ex-membro consagrado dos Focolares, residente na França.

Uma vítima tornou público o seu caso, ocorrido em 1981 e 1982 quando – com quinze anos – foi assediada sexualmente.

Está sendo criado um órgão independente por meio do qual o Movimento dos Focolares decidiu iniciar uma investigação extraordinária, após o encontro com algumas vítimas no dia 18 de setembro de 2020. Naquela ocasião, o Copresidente do Movimento dos Focolares, Jesús Morán, expressou a dor e a vergonha pelos abusos cometidos por J.M.M. “bem como pelo silêncio ou a falta de providências mantidos durante anos por parte dos diversos responsáveis”.

Em breve será anunciada a composição deste órgão independente, que terá a função de ouvir as supostas vítimas, recolher novos depoimentos e apurar eventuais omissões, encobrimentos ou silêncios por parte de dirigentes do Movimento. Na conclusão das investigações, o órgão independente tornará público seu relatório final.

A fim de permitir o completo desenvolvimento das investigações e garantir a sua total transparência, os dois responsáveis dos Focolares na França e o corresponsável do Movimento para a Europa Ocidental apresentaram, no dia 21 de outubro de 2020, as demissões das respectivas funções. A Presidente dos Focolares aceitou as demissões.

Joachim Schwind

Comunicado de imprensa

13 Comments

  • Recuerdo que Chiara en cierto momento, pidió a los focolarinos y focolarinas , no tener licor en los focolares, sería bueno volverlo a retomar , y que no sea una excusa para hacerse uno, con los jóvenes.
    Ellos buscan radicalidad en todo !!

  • Il est temps de se reveiller ?
    L’entre soi aurait-il enfin vecu ?
    Le dogmatisme, la vénération et la négation de soi sont le berceau des perversions !

  • Piena partecipazione al dolore delle vittime ed anche al dolore dell’Opera. Chiediamo lo Spirito Santo perché ogni passo sia fatto nell’Amore a Gesù Abbandonato.
    Il mio cuore soffre con tutti quei che soffrono.
    Chiara ci aiuterà ad andare sempre avanti con coraggio e uniti oltrepasseremmo questo mare impetuoso.

  • Union de prière pour vous tous du Mouvement qui devez faire enquête sur cette affaire .
    Particulièrement Maria Voce la présidente .
    1

  • Tudo que é colocado em unidade e resolvido por Deus, este é um momento de dor e sofrimento , tudo será resolvido que Deus coloque a paz e perdão no coração dos envolvidos. Um crime como este sempre é bom colocar ao conhecimento da Justiça para que não aconteça mais, ficar em silêncio e esconder o autor é a pior decisão. Eu sou um policial e vejo o sofrimento destas crianças.

  • Meu coração ficou dilacerado com está notícia mas Chiara me ensinou a amar Jesus Abandonado, fazer justiça ou seja ser coerente. Sofrer com quem sofre. Que Deus em sua infinita misericórdia ilumine nossos passos .

  • Corresponde hacer todo en total transparencia para que no merme la confianza. Le pedimos al Espíritu Santo guíe a las personas que llevarán el caso.

  • Corresponde hacer todo transparente para que no merme la confianza. Le pedimos al Espíritu Santo guíe a las personas que tienen que deliberar.

  • Totalmente de acuerdo con la decisión de Émaus. Todo lo que nos sucede es para nuestro bien.
    J.A. es nuestro único bien.

  • Me sumó inmediatamente , al inmenso ” dolor”
    Pero con la certeza , de qué sé harán, las cosas bien.
    Sin dejar de ” AMAR ”
    Me ha hecho recordar a ” CHIARA qué nos decía, qué IMPORTA… AMARTE IMPORTA !!!!!

  • No hay que añadir ni una coma a lo que dice Emmaús, sino hacer justicia , escuchar a las víctimas y poner todo en manos de Dios y María Santísima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *