Construir a comunidade

  • Version [version]
  • Download [download_count]
  • File Size 0.00 KB
  • File Count 0
  • Create Date 2 Maio 2021
  • Last Updated 11 Junho 2021

Construir a comunidade

O Presidente da República Italiana Sergio Mattarella em visita privada esta manhã ao Centro internacional do Movimento dos Focolare em Rocca di Papa (Roma)

“Que alegria estar aqui, obrigado por esta visita tão acolhedora! A contribuição que o Movimento dos Focolares oferece ao nosso país além de incidir na dimensão eclesial é um incentivo à solidariedade, ao estar juntos”.

Com estas palavras o Presidente da República Italiana Sergio Mattarella agradeceu Margaret Karram, Presidente do Movimento dos Focolares, pelo cordial convite para visitar o Centro Internacional do Movimento dos Focolares em Rocca di Papa (Roma) hoje de manhã.

“O conceito de ‘focolare’, de criar a família – continuou o Presidente na sua saudação aos presentes – contém um convite constante, geral ao sentido de comunidade, a ser conscientes de que precisamos uns dos outros e que, somente juntos, realizamos uma condição positiva e aceitável e de progresso. Esta contribuição, para o nosso país, é particularmente importante”.

Além da Presidente dos Focolares, ele foi recebido pelo Copresidente Jesús Morán, Maria Voce, ex presidente do Movimento e o Conselho geral, representando o Movimento no mundo.

Com esta visita o Presidente desejava homenagear a memória de Chiara Lubich e de Igino Giordani, sepultados na capela do Centro.

Uma feliz coincidência esta visita à sepultura do Deputado Giordani – constituinte, pai da República – justamente hoje, 2 de maio de 2021, 25 anos após o nascimento do Movimento Político pela Unidade. Foi fundado por Chiara Lubich “para que – são palavras da fundadora do Movimento dos Focolares – a fraternidade se torne uma categoria política”. Também o Papa no Angelus de hoje recordou este aniversário, exprimindo aos membros do Movimento Político pela Unidade os seus votos de “bom trabalho a serviço de uma política de qualidade”.

Ao chegar, o Presidente Mattarella quis ver a escultura em bronze do Deputado Giordani, obra do artista Peter Kostner, instalada no dia 18 de abril, por ocasião do aniversário de 41 anos da sua morte.

Na sua saudação Margaret Karram afirmou que o Movimento dos Focolares continuará a intensificar as iniciativas de solidariedade, “estendendo-as a multidões de pessoas fragilizadas pela crise sanitária. O mundo – continuou – invoca, especialmente nesse período, maior comunhão e o ideal da unidade do Movimento dos Focolares pode, deve, dar a sua contribuição para tudo isso”.

Recordando ainda o que Chiara Lubich pediu aos que aderiam à espiritualidade da unidade, “sejam uma família”, Margaret Karram concluiu desejando que “possamos realizar o programa que, na última Assembleia geral do Movimento dos Focolares, escolhemos realizar neste período, isto é: “abraçar o mundo, escutando o grito da humanidade, da criação e das novas gerações”.

“A pandemia não para de semear vítimas humanas, a paz custa a se estabelecer nas relações internacionais”, disse o Copresidente dos Focolares Morán na homilia da Santa Missa. “Serve uma oração mais intensa, mais fervente, mas para que seja assim, é necessário que os cristãos decidam permanecer em Cristo, no seu amor, colocando em prática o mandamento do amor recíproco”.

Saudando os presentes, o Presidente disse ainda: “Antes fui cordialmente convidado a visitar a capela com o esplêndido mosaico atrás do altar e com as sepulturas de Chiara Lubich e Igino Giordani que tive a felicidade de conhecer quando eu era rapaz, de Padre Foresi: figuras extraordinárias”.

De Giordani, o Presidente falou também no seu prefácio à biografia de recente publicação “Igino Giordani un eroe disarmato [um herói desarmado]” (de Alberto Lo Presti, Città Nuova Ed.) definindo-o “um exemplo de vida cristã ao qual nos inspirar”.

Stefania Tanesini

Attached Files

7 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *