“Ele nunca nos decepciona”


Na Itália e em várias partes do mundo o filme para TV “Chiara Lubich, o amor vence tudo” foi visto com grande participação. Muitos ficaram tocados em ver a coerência e fidelidade com que Chiara seguiu a própria estrada. Propomos um texto em que ela mesma revela o centro de onde tudo partiu.

[A carta aos Hebreus diz:] “Corramos com perseverança para o certame que nos é proposto, com os olhos fixos (…) em Jesus…” (Hb 12,1-2).

Muitas vezes a vida é como uma corrida de obstáculos: existem provações e os mais variados tipos de sofrimento. Eis o motivo pelo qual devemos manter os olhos fixos em Jesus, em Jesus Abandonado.

Hoje eu gostaria de poder dirigir uma palavra principalmente àquelas pessoas – e tenho em mente algumas delas – que estão passando provações espirituais ou físicas e dizer-lhes: “Olhem para Jesus Abandonado e Nele encontrarão a resposta”.

Jesus abandonado é, na realidade, o modelo a quem devemos olhar para ver como se superam as provações.

Um aspecto de Jesus Abandonado, e talvez um dos mais dolorosos, é quando uma pessoa que permeou toda sua vida espiritual tendo fé no amor de Deus, sente-se, por circunstâncias várias, abandonada por Ele.

Também diante de uma situação como esta deve-se olhar para Jesus Abandonado. Não havia dito Jesus que todos o abandonariam, mas que o Pai estaria sempre com Ele?

Porém, no abandono verificou-se o contrário: o Pai pareceu abandoná-lo. Foi algo tremendo e trágico.

E o que fez Jesus? Deu aquele forte grito, mas depois, abandonou-se novamente nas mãos do Pai. É assim que também nós devemos agir nestas circunstâncias. São momentos que, creio, valem muito diante de Deus.

Jesus, com o seu abandono, realizou a Redenção. Nós, com o nosso abandono unido ao seu, realizaremos a nossa purificação. E quem sabe quantos irmãos ajudaremos?

Jesus Abandonado é realmente a solução para todos os problemas. Ele nunca nos decepciona. Nele encontremos a explicação para todas as nossas provações.

Então, coragem! Mantenhamos os olhos fixos Nele, para superar todos os obstáculos na corrida de nossa vida.

Chiara Lubich

(de uma conferência telefônica, Mollens (CH), 14 de agosto de 1986)

Extraído de: “OLHOS FIXOS EM JESUS ABANDONADO E ENCONTRAREMOS A RESPOSTA”, em: Chiara Lubich, Companheiro de Viagem, Cidade Nova, São Paulo, 1988 Pág. 171-172.

2 Comments

  • È proprio così: amare G.A. è la nostra àncora e salvezza. E poi amandoLo così alleviano un po’ il suo dolore e lo aiutiamo a salvare il mondo intero. Che dono ci ha fatto Chiara!

    • Deixe uma resposta

      O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *